MEI que prorrogou o pagamento das guias de Março, Abril e Maio deve efetuar o pagamento a partir de Outubro

  • 09/10
  • Blog

Os impostos que venciam em Março, Abril e Maio que foram prorrogados durante a Pandemia começam ser cobrados agora em Outubro. Por isso, nos próximos três meses a cobrança virá em dobro para quem não fez o pagamento nos meses oportunos. Ou seja, além da guia do mês o MEI terá a guia em atraso para pagamento.

Os empreendedores precisam se organizar para cumprir com essa obrigação sem o pagamento de juros ou correr o risco de perder os benefícios oferecidos pelo regime tributário simplificado.

Para o MEI que não pagou a guia nos meses de Março, Abril e Maio pode conferir o valor no site http://www.portaldoempreendedor.gov.br  e clicar na opção ‘Já Sou MEI’ e selecionar o ícone ‘Pague sua Contribuição Mensal’. O valor mensal varia de R$ 52,25 a R$ 58,25, montante que virá duplicado. Os boletos vencem sempre no dia 20 de cada mês. Para quem já efetuou o pagamento nos meses corretos o valor será normal.

Desde julho as micro e pequenas empresas optantes do Simples Nacional já voltaram a pagar as guias mensais referentes aos meses de apuração correspondentes. Em julho, agosto e setembro também já houve o pagamento cumulativo da guia do mês com o ICMS e ISS dos meses de abril, maio e junho, respectivamente, que haviam sido prorrogadas por três meses. Agora chegou a hora do MEI efetuar o pagamento dos impostos que ficaram para trás.

 

 

Fonte: Agência Sebrae e ITC Consultoria.

 

 

2017 © Todos os direitos reservados.